FECHAR
FECHAR
30 de maio de 2012
Voltar
M&T Expo 2012

Komatsu: Destaque para a primeira escavadeira híbrida do país

A Komatsu Brasil traz à M&T Expo a concretização de uma das principais tendências do mercado mundial.

Com a introdução da escavadeira hidráulica HB205-1, a empresa se consolida como pioneira na viabilização comercial de equipamentos com motorização híbrida (diesel/elétrico) tanto para os usuários internacionais como para os brasileiros.

O sistema híbrido da Komatsu é composto por um motor gerador elétrico que transforma em energia elétrica a energia dissipada durante a desaceleração do giro do carro. Essa energia, armazenada em banco de capacitores, auxilia o motor a diesel nos picos de demanda de potência. Segundo o fabricante, a inovação propicia melhor eficiência energética, diminuindo o consumo de combustível em 25% e proporcionando uma sensível redução na emissão de CO2. Isso é possível porque o motor a diesel sempre trabalha em marcha lenta, mesmo diante de maiores solicitações de torque e potência.

A tecnologia, já oferecida pela empresa nos países industrializados, agora está disponível também para os clientes do Brasil. “Uma escavadeira de 20 t descarrega 42 kg de CO2 na atmosfera em uma hora de operação, o que equivale a 92 automóveis de passeio”, explica Agnaldo Lopes, gerente geral de vendas da empresa. “Por isso, em países como o Japão, Estados Unidos e na Europa, os equipamentos para construção já são obrigados a atender parâmetros de controle de emissão desses poluentes, que são extremamente prejudiciais à saúde.”

A máquina possui um indicador de fluxo no painel de controle, permitindo o acompanhamento em tempo real do sistema. Desde 2008, quando iniciou a venda de escavadeiras híbridas, a empresa já comercializou mais de mil unidades do produto no mundo todo.

www.komatsu.com.br

 


Com a introdução da escavadeira hidráulica HB205-1, a empresa se consolida como pioneira na viabilização comercial de equipamentos com motorização híbrida (diesel/elétrico) tanto para os usuários internacionais como para os brasileiros.

O sistema híbrido da Komatsu é composto por um motor gerador elétrico que transforma em energia elétrica a energia dissipada durante a desaceleração do giro do carro. Essa energia, armazenada em banco de capacitores, auxilia o motor a diesel nos picos de demanda de potência. Segundo o fabricante, a inovação propicia melhor eficiência energética, diminuindo o consumo de combustível em 25% e proporcionando uma sensível redução na emissão de CO2. Isso é possível porque o motor a diesel sempre trabalha em marcha lenta, mesmo diante de maiores solicitações de torque e potência.

A tecnologia, já oferecida pela empresa nos países industrializados, agora está disponível também para os clientes do Brasil. “Uma escavadeira de 20 t descarrega 42 kg de CO2 na atmosfera em uma hora de operação, o que equivale a 92 automóveis de passeio”, explica Agnaldo Lopes, gerente geral de vendas da empresa. “Por isso, em países como o Japão, Estados Unidos e na Europa, os equipamentos para construção já são obrigados a atender parâmetros de controle de emissão desses poluentes, que são extremamente prejudiciais à saúde.”

A máquina possui um indicador de fluxo no painel de controle, permitindo o acompanhamento em tempo real do sistema. Desde 2008, quando iniciou a venda de escavadeiras híbridas, a empresa já comercializou mais de mil unidades do produto no mundo todo.

www.komatsu.com.br