ABRIR
FECHAR
06 de setembro de 2021
Voltar

Volvo nacionaliza produção de caminhões na China

Empresa comprou fábrica da JMC Heavy Duty, onde fabricará os modelos FH, FM e FMX
Fonte: Automotive Business

A Volvo Trucks comprou a JMC Heavy Duty, montadora de caminhões sediada na China.

O acordo envolve a aquisição de uma fábrica instalada em Shanxi em negócio que envolveu cerca de US$ 130 milhões. Ali serão produzidos a partir de 2022 os modelos Volvo FH, Volvo FM e Volvo FMX.

Segundo a montadora, motivou a aquisição o forte crescimento dos serviços de logística naquele país, incluindo o e-commerce, que elevou as vendas de caminhões Volvo no mercado. Em 2020, mais de 4,5 mil caminhões pesados da Volvo foram importados para a China.

“Estamos empenhados em moldar o futuro de soluções de transporte sustentáveis. Com nossa presença de longa data na China, estamos aumentando nossas vendas e expandindo nossa forte rede de pontos de vendas e serviços, juntamente com nossos parceiros revendedores privados”, disse Roger Alm, presidente da Volvo Trucks.

As operações em Taiyuan incluirão estampagem, soldagem, fabricação de cabines, pintura e montagem final de caminhões Volvo. Após o investimento, dentro de alguns anos, a fábrica terá capacidade para produzir 15 mil caminhões. A transação está sujeita às aprovações regulatórias.

...

A Volvo Trucks comprou a JMC Heavy Duty, montadora de caminhões sediada na China.

O acordo envolve a aquisição de uma fábrica instalada em Shanxi em negócio que envolveu cerca de US$ 130 milhões. Ali serão produzidos a partir de 2022 os modelos Volvo FH, Volvo FM e Volvo FMX.

Segundo a montadora, motivou a aquisição o forte crescimento dos serviços de logística naquele país, incluindo o e-commerce, que elevou as vendas de caminhões Volvo no mercado. Em 2020, mais de 4,5 mil caminhões pesados da Volvo foram importados para a China.

“Estamos empenhados em moldar o futuro de soluções de transporte sustentáveis. Com nossa presença de longa data na China, estamos aumentando nossas vendas e expandindo nossa forte rede de pontos de vendas e serviços, juntamente com nossos parceiros revendedores privados”, disse Roger Alm, presidente da Volvo Trucks.

As operações em Taiyuan incluirão estampagem, soldagem, fabricação de cabines, pintura e montagem final de caminhões Volvo. Após o investimento, dentro de alguns anos, a fábrica terá capacidade para produzir 15 mil caminhões. A transação está sujeita às aprovações regulatórias.