FECHAR
07 de janeiro de 2020
Voltar

INOVAÇÃO

As diferenças entre caminhões fora de estrada mecânicos e diesel elétrico

Fabricante apresenta as vantagens e aplicações de cada tipo de veículo comercializado pela Sotreq a fim de obter maior eficiência aliada à economia no trabalho pesado em mineração
Fonte: Assessoria de Imprensa

Caminhões Fora de Estrada para Mineração são brutos. Precisam ser robustos para suportar a pressão de toneladas de minérios dia após dia, viagem após viagem.

Há mais de 50 anos, a Sotreq comercializa máquinas Cat dignas de serem chamadas de monstruosas e, com isso, ajuda a sustentar e fazer crescer esse setor tão importante para a economia nacional.

"Ao longo dos anos, o mercado de mineração se desenvolveu, oferecendo variadas opções de equipamentos às operações. Os caminhões fora de estrada passaram por diversas mudanças e, hoje, a Caterpillar e a Sotreq oferecem aos seus clientes dois modelos distintos para este equipamento: o Caminhão Mecânico Cat e o Caminhão Diesel Elétrico Cat", explica Bruno Salomão, gerente do setor de eficiência operacional em mineração da Sotreq.

Eficiência, robustez e confiabilidade são características comuns, mas há diferenças entre os Caminhões Fora de Estrada Mecânicos e o Caminhões Fora de Estrada Diesel Elétricos, afirma Salomão.

Caminhão Fora de Estrada Mecânico Cat
O sistema conhecido como trem de força – composto pelo motor diesel, conversor de torque, transmissão, difer...


Caminhões Fora de Estrada para Mineração são brutos. Precisam ser robustos para suportar a pressão de toneladas de minérios dia após dia, viagem após viagem.

Há mais de 50 anos, a Sotreq comercializa máquinas Cat dignas de serem chamadas de monstruosas e, com isso, ajuda a sustentar e fazer crescer esse setor tão importante para a economia nacional.

"Ao longo dos anos, o mercado de mineração se desenvolveu, oferecendo variadas opções de equipamentos às operações. Os caminhões fora de estrada passaram por diversas mudanças e, hoje, a Caterpillar e a Sotreq oferecem aos seus clientes dois modelos distintos para este equipamento: o Caminhão Mecânico Cat e o Caminhão Diesel Elétrico Cat", explica Bruno Salomão, gerente do setor de eficiência operacional em mineração da Sotreq.

Eficiência, robustez e confiabilidade são características comuns, mas há diferenças entre os Caminhões Fora de Estrada Mecânicos e o Caminhões Fora de Estrada Diesel Elétricos, afirma Salomão.

Caminhão Fora de Estrada Mecânico Cat
O sistema conhecido como trem de força – composto pelo motor diesel, conversor de torque, transmissão, diferencial e comando final – garante potência e torque com capacidade de trabalho em situações extremas.

Essa linha também apresenta menor peso vazio, quando comparadas a de Caminhões Diesel Elétricos, devido aos seus componentes, o que é convertido em maior capacidade de carga.

O sistema de freios Caterpillar a disco, arrefecido à óleo nas quatro rodas, garante máxima segurança em rampas aos Caminhões Fora de Estrada Mecânicos. Aliado à ótima capacidade de frenagem, os veículos não consomem combustível em trechos de declive. Isso porque o movimento das rodas é o responsável pela rotação do motor, sem a necessidade da injeção de combustível nesse momento.

"Os Caminhões Mecânicos Cat, além de reconhecidos pela sua robustez, são também conceituados por oferecer o menor custo por tonelada do mercado. Podemos destacar os modelos 793D e 793F que na classe de 250 toneladas se mostra como melhor custo benefício", complementa Salomão, lembrando que os veículos são compatíveis com as Carregadeiras de Rodas e Escavadeiras Hidráulicas Cat, o que colabora de modo crucial para acelerar os tempos de ciclo e maximizar a produtividade.

Caminhão Fora de Estrada Diesel Elétrico Cat
Com a evolução tecnológica e a necessidade de trazer produtos e soluções alinhadas com a necessidade de ganho em produtividade e com baixo custo operacional para mineração, a Caterpillar desenvolveu seu Caminhão Fora de Estrada Diesel Elétrico de 320 toneladas.

O veículo vem equipado com todo o trem de força Cat, desde motor, alternador e roda motorizada, uma garantia de qualidade e eficiência, além de possuir elevado índice de intercambialidade entre os componentes da frota Cat.

"Os Caminhões Diesel Elétricos Cat são reconhecidos pela robustez e simplicidade de manutenção, o que reflete em maior disponibilidade física média. Os clientes que optam por este tipo de Fora de Estrada, o escolhem pelo fato de apresentar um custo por tonelada competitivo e uma elevada produtividade", diz Salomão.

O especialista cita o modelo 794AC Cat, que traz o motor C175-16, o mesmo do 793F, da linha de veículos mecânicos.

"Este motor possui três estágios de potência e calibração, a fim de atender os requisitos de produtividade e consumo de combustível para cada aplicação específica.
Neste quesito, o cliente pode ter uma configuração de potência mais baixa no início da mina e, com o aprofundamento da cava, pode aumentar a potência e manter a produtividade do caminhão, visando otimizar o custo por tonelada", explica ele, que completa.

"Além de possuir preços mais competitivos, o nosso Caminhão Diesel Elétrico possui um lead time e disponibilidade melhores do que os concorrentes, tornando o custo por tonelada ainda menor".

Em minas cujo trabalho apresenta a necessidade de reduzir o consumo de diesel e a emissão, a Cat conta com os sistemas DGB (Diesel Gás Blending) para os Caminhões Fora de Estrada Mecânicos e o Trolley para os Caminhões Fora de Estrada Diesel Elétricos.