FECHAR
FECHAR
31 de outubro de 2012
Voltar
Demolição

Reciclagem de materiais ganha espaço no segmento

Fabricante de acessórios para demolição e reciclagem, MB Crusher destaca novo conceito e espera aumento nas vendas com a oferta de caçambas trituradoras

Com filiais na Alemanha, França, Japão, China e Estados Unidos, a fabricante italiana MB Crusher considera o Brasil como uma das grandes referências na economia mundial na atualidade. E essa aposta ocorre principalmente pela receptividade e pelo crescimento apresentado pelo mercado local de equipamentos, em um movimento impulsionado pelos grandes projetos de infraestrutura aprovados para os próximos anos.

Segundo a gerente regional da MB Crusher no Brasil, Carlotta Mettifogo, o promissor mercado no país levou a empresa a investir em pessoal e recursos para a operação brasileira, o que, na sua avaliação, deve contribuir de maneira significativa para o crescimento da empresa nos próximos anos.

“O mercado brasileiro sempre foi objeto de atenção por parte da MB devido à sua movimentação constante e às oportunidades apresentadas nos últimos anos”, diz ela, ressaltando que há vários anos a empresa vende seus produtos no Brasil, mas que somente agora decidiu abrir um armazém com caçambas trituradoras disponíveis para entrega imediata. Além disso, há planos para reforçar as parcerias atuais nos aspectos técnico e comercial, o que segundo a gerente é fundamental para o atendimento das demandas atuais e futuras.

Com exportações para mais de 100 países, a distribuição é um ponto importante para a consolidação também no Brasil da marca, que já conta com alguns pontos comerciais e um escritório de representação no Rio de Janeiro (RJ). No entanto, a executiva afirma que os produtos ficaram mais conhecidos no mercado brasileiro em decorrência da participação da empresa na M&T Expo 2012, que proporcionou visibilidade às caçambas trituradoras e caçambas de peneiras da marca.

Entre os equipamentos destinados ao mercado local, Mettifogo destaca a caçamba trituradora BF 150.10, projetada para escavadeiras de 70 t, com 2,3 m³ de volume de carga e 10 t de peso. Outro lançamento é a linha MB-L, com caçambas de trituração de até 0,50 m³, utilizadas por carregadeiras, minicarregadeiras e retroescavadeiras. “De caçambas de peneiras, podemos destacar a linha MB-S, para escavadeiras de 10 a 35 t, especialmente desenvolvida para seleção dos entulhos por tamanho, o que facilita o processo de reciclagem do material”, afirma a executiva.

Reaproveitamento

Carlotta explica que a MB Crusher apo


Com filiais na Alemanha, França, Japão, China e Estados Unidos, a fabricante italiana MB Crusher considera o Brasil como uma das grandes referências na economia mundial na atualidade. E essa aposta ocorre principalmente pela receptividade e pelo crescimento apresentado pelo mercado local de equipamentos, em um movimento impulsionado pelos grandes projetos de infraestrutura aprovados para os próximos anos.

Segundo a gerente regional da MB Crusher no Brasil, Carlotta Mettifogo, o promissor mercado no país levou a empresa a investir em pessoal e recursos para a operação brasileira, o que, na sua avaliação, deve contribuir de maneira significativa para o crescimento da empresa nos próximos anos.

“O mercado brasileiro sempre foi objeto de atenção por parte da MB devido à sua movimentação constante e às oportunidades apresentadas nos últimos anos”, diz ela, ressaltando que há vários anos a empresa vende seus produtos no Brasil, mas que somente agora decidiu abrir um armazém com caçambas trituradoras disponíveis para entrega imediata. Além disso, há planos para reforçar as parcerias atuais nos aspectos técnico e comercial, o que segundo a gerente é fundamental para o atendimento das demandas atuais e futuras.

Com exportações para mais de 100 países, a distribuição é um ponto importante para a consolidação também no Brasil da marca, que já conta com alguns pontos comerciais e um escritório de representação no Rio de Janeiro (RJ). No entanto, a executiva afirma que os produtos ficaram mais conhecidos no mercado brasileiro em decorrência da participação da empresa na M&T Expo 2012, que proporcionou visibilidade às caçambas trituradoras e caçambas de peneiras da marca.

Entre os equipamentos destinados ao mercado local, Mettifogo destaca a caçamba trituradora BF 150.10, projetada para escavadeiras de 70 t, com 2,3 m³ de volume de carga e 10 t de peso. Outro lançamento é a linha MB-L, com caçambas de trituração de até 0,50 m³, utilizadas por carregadeiras, minicarregadeiras e retroescavadeiras. “De caçambas de peneiras, podemos destacar a linha MB-S, para escavadeiras de 10 a 35 t, especialmente desenvolvida para seleção dos entulhos por tamanho, o que facilita o processo de reciclagem do material”, afirma a executiva.

Reaproveitamento

Carlotta explica que a MB Crusher apostou no conceito de reutilização do material resultante de demolições, que até pouco tempo atrás era considerado “lixo” e hoje representa ganhos significativos para as empresas. O material passou a ser reaproveitado nos próprios canteiros de obras para a formatação das bases de pavimentos, entre outras destinações. “Isso nos faz avaliar que o ano de 2013 será promissor para as relações da empresa no Brasil, pois o país estará concluindo diversas obras da Copa do Mundo”, sublinha.

Segundo ela, a aplicabilidade dessas soluções vai além, pois, com o material de demolição e escavação triturado, podem ser realizadas obras em praças, terraplenagens, rodovias, drenagens e aterros de escavações, entre outras. Esse mesmo material também pode ser estocado e utilizado na manutenção de obras de infraestrutura, como rodovias e esgotos.

“Na construção civil, um exemplo prático da utilização de materiais de demolição triturados pode ser encontrado no levantamento de novas unidades residenciais em locais onde velhas estruturas foram demolidas”, exemplifica. “Isso evita o custo com transporte do entulho, que envolve deslocamento de caminhões causando congestionamento e poluição nas grandes metrópoles.” Além disso, como ela enfatiza, a atuação de caçambas de demolição transcende as obras de demolição e reciclagem de entulhos, com utilização também em processos de terraplanagem com incidência de rochas.

Contudo, a executiva frisa que as caçambas trituradoras não são substitutas dos britadores fixos e móveis, já que ambos são imprescindíveis em operações específicas. Todavia, elas permitem que se realize trituração de materiais em locais confinados bastante comuns em centros urbanos onde os britadores não poderiam ser utilizados devido às suas grandes dimensões. “Já a caçamba trituradora, acompanhada da escavadeira ou miniescavadeira, pode ser usada em praticamente todos os canteiros urbanos, mesmo os situados em áreas montanhosas”, afirma. Outras vantagens desses implementos, segundo ela, são a facilidade no transporte da caçamba, o baixo custo de manutenção, a redução no consumo de combustível da frota e o baixo nível de ruídos e poeira na operação.

As caçambas trituradoras podem ser utilizadas em qualquer modelo de escavadeira hidráulica, desde que apresente porte necessário para cada modelo do implemento. Segundo a executiva, não é necessário realizar modificações no sistema hidráulico da máquina portadora para a operação do implemento, o que torna a sua operação passível de ser executada com facilidade pelos mais diversos portes de empreiteiros.