FECHAR
FECHAR
08 de abril de 2010
Voltar
Perfil

A excelência é uma questão de honra

Orgulho e satisfação. Assim pode ser definido e estado de espírito compartilhado pela direção e pelos funcionários da Caterpillar Brasil com sua eleição como “Melhor Empresa para Trabalhar no País”. Em entrevista exclusiva à revista M&T, Luiz Carlos Calil, presidente da empresa, exala esse sentimento ao expor o que essa premiação representa para a companhia e como ela foi obtida. Veja a seguir:

M&T – O que significa para a Caterpillar a conquista dessas duas premiações quase simultaneamente?
Luiz Carlos Calil – Dentro da estratégia de manutenção da liderança no setor, o encantamento do cliente constitui a espinha dorsal de todas as nossas ações. Para isso, dispomos de produtos excelentes, de processos consistentes e investimos muito em pesquisa e desenvolvimento. Mas tudo isso exige o comprometimento das pessoas, sua satisfação no trabalho, motivo pelo qual adotamos uma política de gestão de pessoal robusta, estimulando um ambiente interno voltado ao empreendedorismo, no qual todos possam sentir esse local como sua segunda casa. Nesse sentido, posso dizer que as pessoas sentem orgulho e satisfação de trabalhar nesta empresa e isso ficou constatado nas duas pesquisas. Na do Great Place to Work Institute, eles ouviram cerca de 600 funcionários, ou seja, 15% do nosso quadro, que foram entrevistados de forma aleatória e sem o acompanhamento da empresa.

M&T – O senhor está se referindo ao pacote de remuneração e de benefícios oferecido?
Calil – Também, mas existem outros fatores igualmente importantes. É obvio que oferecemos tudo isso, mas as pessoas também buscam segurança e autodesenvolvimento, em um ambiente de respeito e focado em valores. O desenvolvimento profissional é um dos pontos fortes da empresa, pois só em 2008, entre promoções e transferências, 28% do nosso quadro se movimentou. Além disso, temos o programa Candidate-se, pelo qual todos podem escolher seus caminhos profissionais dentro da empresa e os critérios adotados nas promoções são muito claros para todos. Por esse motivo, há algum tempo já ocupamos as primeiras colocações tanto no ranking da Você S.A./Exame como no do Great Place to Work Institute.

M&T – E chega ao topo das duas listas justamente após um momento difícil, no qual precisou extinguir 1.000 postos de trabalho...
Calil – Enfrentamos momentos difíceis devido à situação econômica que atingiu todas as empresas e reduziu drasticamente os níveis de produção. Adiamos essa decisão ao máximo, mas quando foi necessário tomá-la, ela se baseou em critérios absolutamente transparentes e imparciais, que, aliás, pautam toda a nossa política de gestão de pessoal. Além disso, mantivemos outros 1.000 funcionários em layoff, que permaneceram em casa ainda com vínculos empregatícios e aos poucos foram retornando às atividades na empresa. Está claro que a forma como conduzimos esse processo, com respeito a pessoas que se encontravam fragilizadas, com muita comunicação e transparência, constituiu uma variável importante para atingirmos o topo dos dois rankings.