FECHAR
FECHAR
09 de julho de 2019
Voltar

LANÇAMENTOS

Jungheinrich apresenta nova geração de sua selecionadora vertical de pedidos

A nova versão da EKS 412s chega ao Brasil com a oferta de picking performance para alturas superiores a 14 metros; O equipamento possui a nova opção da bateria de lítio
Fonte: Assessoria de Imprensa

Buscando inovar e apresentar soluções que valorizem os setores de logística, de intralogística, a indústria, e toda a cadeia varejista, a Jungheinrich traz para o Brasil a nova geração da selecionadora vertical de pedidos EKS 412s.

A selecionadora vertical de pedidos, afirma Vigold Georg, vice-presidente da Jungheinrich para a América Latina, proporciona performance, eficiência, ergonomia e segurança no armazenamento de produtos em espaços pequenos e na coleta de pedidos em alta elevação.

Contando com um mastro triplex livre de trações, a nova EKS 412s atinge uma elevação de picking superior a 14 metros, é 25% mais rápida que sua versão anterior, e oferece uma economia de energia superior a 10%.

O novo conceito desses modelos os diferencia entre os mais básicos, para corredores largos (sem guia), e aqueles para corredores estreitos. Ambos com tecnologia de 24V e 48V, todas as vantagens de ergonomia e pick performance.

“Os equipamentos com a tecnologia da bateria de lítio já representam mais de 50% das vendas e locações da Jungheinrich no Brasil. Essas máquinas agregam inovação, sustentabilidade e eficiência energética às operações de intralogística”, afirma Georg.

Qualquer máquina Jungheinrich combateria de lítio precisa de apenas 30 minutos de carga para atingir 50% de sua capacidade – e apenas 80 minutos para estar completamente carregada.

“Por termos nossa própria produção de equipamentos e baterias conseguimos oferecer garantia de cinco anos em todas as baterias de lítio. Com isso, reduzimos consideravelmente os riscos de investimento para nossos clientes e, ao mesmo tempo, maximizamos os benefícios atrelados a toda a linha”, ressalta o executivo.

Segundo o executivo, a ergonomia e a segurança do operador foram questões primordiais na atualização da nova selecionadora, que com sistemas inteligentes de assistência combina máxima segurança com alto desempenho.

“Scanners a laser detectam obstáculos no caminho, facilitando o uso de mais de um equipamento em corredores estreitos – o que permite um aumento significativo no rendimento da operação em espaços reduzidos. Para facilitar a navegabilidade, é necessário apenas um comando de deslocamento e / ou elevação do operador. O novo mastro DZ evita a interrupção na elevação”, finaliza.