FECHAR
FECHAR
23 de junho de 2020
Voltar

EMPRESAS

ZF Aftermarket oferece nova linha de componentes para transmissões multimarcas

Uma das mais novas linhas de produtos da ZF Aftermarket, denominada “All Makes”, passa a atender ônibus e caminhões equipados com transmissões multimarcas
Fonte: Assessoria de Imprensa

A ZF Aftermarket está oferecendo ao mercado de reposição uma nova linha de componentes para transmissões de outros fabricantes que equipam veículos pesados.

Ao todo, são cerca de 150 novos componentes, entre eles os mais importantes e de alto custo para a manutenção de veículos comerciais pesados como eixos, engrenagens e sistemas de sincronização, com previsão de chegar até 250 componentes até o final de 2020.

Batizada de “All Makes”, a nova linha tem como objetivo cobrir todo o mercado sul-americano de peças de reposição para caminhões e ônibus pesados das marcas Volvo, Mercedes-Benz e Scania, em veículos não equipados com transmissões ZF.

A ZF Aftermarket América do Sul é a primeira unidade da ZF no mundo a trabalhar com este tipo de desenvolvimento. Graças ao ineditismo e potencial de mercado, o modelo de negócios teve sua inteligência de desenvolvimento exportada para a Alemanha, China e Oriente Médio. No Brasil o objetivo é cobrir 60% dos mais de 1,5 milhões de veículos da frota circulante com esse mais novo portfólio de produtos.

Esse lançamento ocorreu ao mercado no início do ano passado. O primeiro pacote contou com itens voltados às linhas Volvo e Scania.

Na seg...


A ZF Aftermarket está oferecendo ao mercado de reposição uma nova linha de componentes para transmissões de outros fabricantes que equipam veículos pesados.

Ao todo, são cerca de 150 novos componentes, entre eles os mais importantes e de alto custo para a manutenção de veículos comerciais pesados como eixos, engrenagens e sistemas de sincronização, com previsão de chegar até 250 componentes até o final de 2020.

Batizada de “All Makes”, a nova linha tem como objetivo cobrir todo o mercado sul-americano de peças de reposição para caminhões e ônibus pesados das marcas Volvo, Mercedes-Benz e Scania, em veículos não equipados com transmissões ZF.

A ZF Aftermarket América do Sul é a primeira unidade da ZF no mundo a trabalhar com este tipo de desenvolvimento. Graças ao ineditismo e potencial de mercado, o modelo de negócios teve sua inteligência de desenvolvimento exportada para a Alemanha, China e Oriente Médio. No Brasil o objetivo é cobrir 60% dos mais de 1,5 milhões de veículos da frota circulante com esse mais novo portfólio de produtos.

Esse lançamento ocorreu ao mercado no início do ano passado. O primeiro pacote contou com itens voltados às linhas Volvo e Scania.

Na segunda etapa, em outubro de 2019, a linha Mercedes-Benz entrou para o portfólio com peças e componentes que podem substituir as peças originais sem qualquer perda de qualidade e eficiência e, ainda, contando com a garantia ZF.

“A aceitação do mercado foi acima das expectativas e atribuímos esse sucesso à alta qualidade dos componentes aliada à marca ZF”, comentou Tales Miranda, gerente sênior de desenvolvimento de produtos da ZF Aftermarket.

Todos os componentes passaram por rigorosos testes de bancada e após validação de qualidade entraram em produção.

No Brasil são comercializados pela rede de concessionárias ZF e em distribuidores e varejos de todo o País. De acordo com Tales Miranda, mesmo sendo destinados ao mercado independente de reposição, contam com a mesma qualidade presente no desenvolvimento de peças originais ZF.

“No Brasil preparamos a rede ZF com treinamento, informações técnicas, catálogos e ferramentais e iniciamos as vendas em alguns clientes estratégicos para sentir a aderência do mercado. Os resultados iniciais foram motivadores, superando nossas expectativas”, revelou Fernando Martins Rodrigues, gerente sênior de vendas e Serviços da ZF Aftermarket América do Sul.