FECHAR
FECHAR
10 de setembro de 2019
Voltar

STARTUPS

Startups atraem o jovem de volta ao campo

Evento abre espaço para a discussão sobre a importância do negócio no desenvolvimento tecnológico do setor
Fonte: Assessoria de Imprensa

O agronegócio brasileiro passou por grandes mudanças nos últimos anos, seja para atender a demandas de qualidade internacional ou se adequar às exigências da sociedade.

Porém, a maior delas está no campo prático com a inserção da tecnologia, que abriu espaço para o desenvolvimento de soluções diferenciadas para atender as novas necessidades do campo, oferecendo para as startups um espaço de atuação como maiores fornecedoras destes recursos.

Frente a este cenário o Yami – Youth Agribusiness Movement International, primeiro congresso para jovens do agronegócio, que será realizado na capital paulista, nos dias 8 e 9 de outubro, abre espaço na programação do seu primeiro dia para o painel “De Startups a Startwinners” dedicado a falar sobre a importância deste modelo de negócio para o setor e seu modo de atuação.

“O agro precisa de mais recursos e esse modelo de negócio é um verdadeiro laboratório. A agilidade em validar pensamentos e a disrupção digital o torna uma peça chave para solucionar problemas, melhorar a eficiência e revolucionar não só a maneira de produzir, mas de gerir as propriedades rurais. As startups brasileiras têm o papel de fortalecer o homem do campo e prepará-lo para o agro 4.0, transformando ideias em soluções”, salienta Rodrigo Francisco Loncarovich Gomes, fundador da Agro Academy – Sambatech e palestrante do Yami.

Para Loncarovich, a importância do Yami está em compartilhar o conhecimento, experiência e ideias. “O campo hoje é muito dinâmico, e com isso requer cada vez mais conhecimento e espírito inovador dos profissionais, e eventos como este contribuem na formação dos líderes do amanhã”.

Do pensamento ao sucesso

A força do agro e a relevância que ele tem no PIB do Brasil redireciona o caminho dos jovens e abre portas para diferentes startups.

O setor é rentável, produz muita riqueza e, com as novas tecnologias, permite ao novo profissional manter sua vida urbana e gerenciar seu negócio com mais assertividade.