FECHAR
FECHAR
04 de fevereiro de 2020
Voltar

EMPRESAS

Pavimentadoras de concreto da Wirtgen são utilizadas na construção do novo Aeroporto Internacional de Yogyakarta, Indonésia

Quatro pavimentadoras de concreto SP 64, seis SP 500 e uma SP 84i formaram foram utilizadas para realizar a pavimentação precisa e econômica da pista de 3.250 m de comprimento e 45 m de largura
Fonte: Assessoria de Imprensa

Nas obras para a construção do novo Aeroporto Internacional de Yogyakarta (YIA), na ilha indonésia de Java, foram utilizadas onze pavimentadoras de concreto da Wirtgen.

Uma vez que o YIA tiver sido concluído, até 20 milhões de passageiros por ano poderão decolar e aterrissar lá. Com uma área do terminal atual de 130.000 m², o novo aeroporto substitui o Aeroporto Adisutjipto, que está sobrecarregado devido à sua capacidade insuficiente.

Um desafio especial para o projeto de grande porte em Yogyakarta foi o cronograma restrito. Foram necessárias soluções confiáveis de uma única fonte para garantir que as pistas de concreto fossem concluídas dentro do prazo.

E a empresa de vendas e serviços de assistência do Wirtgen Group em Singapura, em cooperação com a revendedora indonésia do grupo, a PT Gaya Makmur Tractors, foram acionadas. Além da grande frota de máquinas, isso também incluiu suporte técnico e consultoria de aplicação no local.

No final, quatro pavimentadoras de concreto SP 64, seis SP 500 e uma SP 84i formaram foram utilizadas para realizar a pavimentação precisa e econômica da pista de 3.250 m de comprimento e 45 m de largura, as vias de conexão e a zona de circulação.

A camada de ...


Nas obras para a construção do novo Aeroporto Internacional de Yogyakarta (YIA), na ilha indonésia de Java, foram utilizadas onze pavimentadoras de concreto da Wirtgen.

Uma vez que o YIA tiver sido concluído, até 20 milhões de passageiros por ano poderão decolar e aterrissar lá. Com uma área do terminal atual de 130.000 m², o novo aeroporto substitui o Aeroporto Adisutjipto, que está sobrecarregado devido à sua capacidade insuficiente.

Um desafio especial para o projeto de grande porte em Yogyakarta foi o cronograma restrito. Foram necessárias soluções confiáveis de uma única fonte para garantir que as pistas de concreto fossem concluídas dentro do prazo.

E a empresa de vendas e serviços de assistência do Wirtgen Group em Singapura, em cooperação com a revendedora indonésia do grupo, a PT Gaya Makmur Tractors, foram acionadas. Além da grande frota de máquinas, isso também incluiu suporte técnico e consultoria de aplicação no local.

No final, quatro pavimentadoras de concreto SP 64, seis SP 500 e uma SP 84i formaram foram utilizadas para realizar a pavimentação precisa e econômica da pista de 3.250 m de comprimento e 45 m de largura, as vias de conexão e a zona de circulação.

A camada de concreto de 50 cm de espessura foi pavimentada em larguras de trabalho de 2, 5 ou 6 m, de acordo com a área a ser pavimentada.

Ao mesmo tempo, os pinos foram colocados sobre cestas a uma distância transversal de 30 cm e uma tela de arame foi incorporada ao concreto como reforço adicional.

“A qualidade das superfícies de concreto é muito boa”, disse Andek Prabowo, diretor administrativo da PT PP Presisi Tbk Group of PT PP (Persero) Tbk. Em termos de desempenho, as máquinas também foram convincentes ao longo de toda a linha.

“Na segunda fase de construção, o aeroporto deverá ser expandido em mais 65.000 m². A pista de aterrissagem também será ampliada em 350 m”, conta Prabowo.