FECHAR
FECHAR
11 de agosto de 2020
Voltar

New Holland e rede de concessionários ampliam distribuição de alimentos durante a pandemia

Ações envolvem novas doações de cestas básicas a comunidades carentes e de cestas de hortifruti comprados de pequenos produtores
Fonte: Assessoria de Imprensa

A New Holland Agriculture, marca da CNH Industrial, juntamente com sua rede de mais de 200 concessionários espalhados pelo Brasil, está ampliando a distribuição de alimentos para pessoas em situação de insegurança alimentar, especialmente durante a pandemia da Covid-19.

A marca, que em 2019 lançou uma campanha de combate à fome que doa refeições a partir da renda proveniente de uma parcela de todas as máquinas vendidas, decidiu criar uma “rede do bem”, que entre outras coisas tem ajudado tanto comunidades carentes quanto pequenos produtores com dificuldades de vender sua produção.

Desde o início da pandemia, a New Holland identificou as fragilidades nessas duas pontas da cadeia de consumo e resolveu ampliar seus esforços.

“Decidimos doar mensalmente 17 cestas básicas a cada loja nossa pelo país, que serão distribuídas às comunidades mais necessitadas. Somando-se a essas cestas básicas, cada concessionário se comprometeu a doar cestas de hortifruti adquiridas junto aos produtores familiares da sua região, o que auxilia os pequenos agricultores a escoar sua produção, bastante afetada com o fechamento das escolas e a restrição imposta às feiras nas cidades. Com isso, conseguimos unir essas duas pontas”, explica Gustavo Tani...


A New Holland Agriculture, marca da CNH Industrial, juntamente com sua rede de mais de 200 concessionários espalhados pelo Brasil, está ampliando a distribuição de alimentos para pessoas em situação de insegurança alimentar, especialmente durante a pandemia da Covid-19.

A marca, que em 2019 lançou uma campanha de combate à fome que doa refeições a partir da renda proveniente de uma parcela de todas as máquinas vendidas, decidiu criar uma “rede do bem”, que entre outras coisas tem ajudado tanto comunidades carentes quanto pequenos produtores com dificuldades de vender sua produção.

Desde o início da pandemia, a New Holland identificou as fragilidades nessas duas pontas da cadeia de consumo e resolveu ampliar seus esforços.

“Decidimos doar mensalmente 17 cestas básicas a cada loja nossa pelo país, que serão distribuídas às comunidades mais necessitadas. Somando-se a essas cestas básicas, cada concessionário se comprometeu a doar cestas de hortifruti adquiridas junto aos produtores familiares da sua região, o que auxilia os pequenos agricultores a escoar sua produção, bastante afetada com o fechamento das escolas e a restrição imposta às feiras nas cidades. Com isso, conseguimos unir essas duas pontas”, explica Gustavo Taniguchi, diretor de Marketing Comercial da New Holland Agriculture para a América do Sul.

A iniciativa, que começou em junho e vai até agosto, empolgou tanto a rede de concessionários que ela resolveu complementar as doações dobrando o número de cestas básicas, conforme explica Taniguchi. Desta maneira, passou-se para 34 cestas básicas por mês doadas em cada loja New Holland, complementadas, ainda, com as cestas de hortifruti.

Pontos de doação
Graças a uma parceria com a Associação Brasileira dos Distribuidores New Holland (Abraforte), os concessionários irão doar também itens de higiene, complementando o pacote de ajuda às famílias.

Além disso, as lojas servirão como pontos de recebimento de alimentos de cidadãos que queiram contribuir, mas não têm como acessar outros pontos de recebimento.

“Aproveitamos a grande capilaridade da nossa rede, que pode receber essas doações e distribuí-las às pessoas em situação de insegurança alimentar”, observa Taniguchi.

Essa capilaridade estendida também deve beneficiar os agricultores familiares, comenta o executivo, já que eles podem utilizar as mídias sociais dos concessionários New Holland para fazer a divulgação dos seus produtos nas suas regiões de atuação, ampliando as possibilidades de comercializar a produção em tempos tão difíceis.

Fundo mundial
As ações da New Holland no Brasil integram um conjunto de ações da CNH Industrial, que investiu US$ 2 milhões (cerca de R$ 10 milhões) para combater ou mitigar o impacto da Covid-19 em todo o mundo.

O recurso, que faz parte de um fundo social criado pela empresa, foi distribuído para as quatro regiões globais onde a companhia mantém operações, a partir de um mapeamento das necessidades de cada localidade. Foram destinados R$ 2 milhões somente para a América do Sul.