FECHAR
FECHAR
01 de outubro de 2019
Voltar

EMPRESAS

Mills Solaris diversifica atuação na locação de equipamentos

A empresa é responsável por fornecer plataformas aéreas, que são utilizadas para montagem eletromecânica e geradores de energia na Usina Novo Tempo, no Porto de Açu e para a montagem de estruturas e trabalhos em altura no Rock in Rio
Fonte: Assessoria de Imprensa

A Mills Solaris está participando de mais uma grande obra na esfera federal: a Usina Novo Tempo, no Porto de Açu, em São João da Barra, RJ.

A empresa é responsável por fornecer plataformas aéreas, que são utilizadas para montagem eletromecânica e geradores de energia.

Segundo a coordenadora de filial da Mills Solaris, Patricia Carrão, as plataformas locadas chegam a alturas que variam entre 15 e 43 metros e os três geradores de 625 KVA são responsáveis pela produção de energia para os escritórios, equipamentos e motores utilizados na obra.

O consórcio Térmica do Açu é responsável pelas soluções de engenharia, suprimentos e construção da usina, que terá capacidade instalada próxima a 1,3 GW.

A instalação da termelétrica é parte do Açu Gás Hub. O projeto, em desenvolvimento no Complexo Portuário do Açu, tem o objetivo de constituir uma solução logística para o recebimento, processamento, consumo e transporte de gás natural produzido nas Bacias de Campos e Santos, assim como importação e armazenagem de GNL importado.

Mills Solaris presente no Rock in Rio

A Mills Solaris está presente em mais uma edição do Rock in Rio. Responsável pela locação de diversos equipamentos para a montagem de estruturas e trabalhos em altura, a empresa participa do festival há 34 anos.

Para esta edição, a Mills Solaris disponibilizou aproximadamente 180 toneladas de estruturas metálicas, como formas, andaimes, treliças, entre outros, além de diversos modelos de plataformas aéreas.

Segundo o gerente da unidade de negócio Construção, Carlos Adriano Guimarães, as estruturas metálicas, utilizadas em grandes obras, fazem parte da montagem dos palcos, torres de patrocinadores, tirolesa e da rampa de acesso para a área vip.

“Também estamos fornecendo equipamentos de construção pesada para a passarela de 90 metros de comprimento, que vai ligar a estação do BRT até a entrada do Parque Olímpico Abelardo Bueno, diz.