FECHAR
FECHAR
28 de novembro de 2018
Voltar

M&T Expo 2018

GHT conta com sistemas de segurança para equipamentos móveis e indústrias

Sistemas de combate a incêndio, lubrificação automática e de monitoramento para equipamentos pesados estão entre os destaques da empresa
Fonte: Assessoria de Imprensa

Entre os dias 26 e 29 de novembro, em São Paulo, o Grupo Hidrau Torque (GHT), distribuidor de peças de reposição para equipamentos pesados, participará da M&T Expo 2018 apresentando a sua linha de sistemas.

Durante o evento, a empresa irá destacar três dos principais sistemas: combate a incêndio, lubrificação automática e câmeras para monitoramento e auxílio nas manobras. Juntos, eles prometem trazer, além de segurança, mais produtividade e redução de custos nas operações da construção e da mineração.

Sistema de combate ao incêndio

Voltado para aplicação em equipamentos móveis, o sistema de combate a incêndio do GHT atua por meio de sensores de chamas, opção mais indicada para máquinas que operam em situações extremas por detectar facilmente a presença de fogo em seu estágio inicial.

“Nossa linha de combate ao incêndio é uma das mais modernas do mundo e conta com grande know-how em projetos, instalação, manutenção e inspeção dos mais variados modelos de máquinas”, conta Plínio Panza, especialista em sistemas de segurança do GHT.

Sistema de lubrificação automática

Cada vez mais popular entre as máquinas empregadas na mineração, a lubrificação automática permite que todos os pontos de um equipamento sejam lubrificados na dosagem e tempo correto, o que traz diversos benefícios, desde a redução de custos até o aumento de produtividade, em comparação à lubrificação manual.

O sistema de lubrificação automática do GHT funciona basicamente com uma bomba, que pode ser acionada por alimentação elétrica, hidráulica ou pneumática e tem a função de pressionar o fluxo do lubrificante por meio de tubulações até às válvulas dosadoras ou injetores. Os dosadores, por sua vez, garantem que a quantidade necessária de lubrificante seja direcionada aos pontos determinados em projeto, de acordo com o tamanho da área e rotatividade de trabalho.

Segundo Panza, os benefícios mais importantes trazidos pelo sistema dizem respeito à segurança.

“A lubrificação automática evita que o responsável pela manutenção do equipamento acesse espaços confinados ou muito altos, que ofereçam risco à vida”, diz.

Consequentemente, diminui-se também os custos com mão de obra. Para se ter uma ideia, um caminhão fora de estrada conta com quase 40 pontos de lubrificação, que precisariam ser lubrificados um a um, se não fosse pela automação do processo.