FECHAR
FECHAR
17 de setembro de 2019
Voltar

FEIRA

Exposibram 2019 reúne novas tecnologias para mineração

Promovido pelo Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram), o evento recebeu 45 mil visitantes de 28 países, que assistiram à apresentação de novos produtos e soluções para o setor
Fonte: Assessoria de imprensa

Principal vitrine de negócios e difusão de conhecimentos sobre o setor mineral, a edição 2019 da Exposibram – Expo & Congresso Brasileiro de Mineração) contou com mais de 13 mil m² de estandes das principais mineradoras e fornecedores de produtos e serviços com atuação global.

Ao todo, 415 expositores – sendo 308 do Brasil e 107 do exterior – apresentaram as principais tendências em tecnologia, equipamentos, softwares e produtos ligados à indústria mineral, além de dados sobre investimentos e gestão.

Promovido pelo Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram), o evento recebeu 45 mil visitantes de 28 países nesta edição.

MANITOU

A Manitou, fabricante de máquinas para movimentação de materiais para todo tipo de terreno, participou da Exposibram 2019 com sua linha de manipuladores telescópicos voltada para o segmento de mineração.

“Durante o evento, apresentamos a linha de manipuladores de alta capacidade que fora do Brasil já é muito usada pelas empresas por conta da segurança e do ganho de performance”, afirma Marcelo Bracco, diretor geral da Manitou para o Brasil e América Latina.

No Brasil, a Manitou iniciou...


Principal vitrine de negócios e difusão de conhecimentos sobre o setor mineral, a edição 2019 da Exposibram – Expo & Congresso Brasileiro de Mineração) contou com mais de 13 mil m² de estandes das principais mineradoras e fornecedores de produtos e serviços com atuação global.

Ao todo, 415 expositores – sendo 308 do Brasil e 107 do exterior – apresentaram as principais tendências em tecnologia, equipamentos, softwares e produtos ligados à indústria mineral, além de dados sobre investimentos e gestão.

Promovido pelo Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram), o evento recebeu 45 mil visitantes de 28 países nesta edição.

MANITOU

A Manitou, fabricante de máquinas para movimentação de materiais para todo tipo de terreno, participou da Exposibram 2019 com sua linha de manipuladores telescópicos voltada para o segmento de mineração.

“Durante o evento, apresentamos a linha de manipuladores de alta capacidade que fora do Brasil já é muito usada pelas empresas por conta da segurança e do ganho de performance”, afirma Marcelo Bracco, diretor geral da Manitou para o Brasil e América Latina.

No Brasil, a Manitou iniciou sua atuação no segmento de mineração em 2016, quando a fábrica foi inaugurada. Desde então, tem como parceiro o distribuidor DCML, com forte atuação em Minas Gerais e no Pará.

O portfólio da Manitou voltado para mineração oferece cinco modelos de manipulador: MT-X 732 Mining; MT-X 1030 Mining; MHT-X 790 Mining; MHT-X 10180 Mining e MHT-X 10230 Mining. Os manipuladores telescópicos MT-X Mining são fabricados na França e na Itália. São máquinas voltadas para a mineração que facilitam os trabalhos em todos os tipos de aplicações dentro da mina.

Já a linha MHT-X Mining é fabricada apenas na Itália e possui equipamentos específicos para a exploração mineira, combinando desempenho e versatilidade para o ganho de produtividade.

ANGLOGOLD ASHANTI

Anunciando investimentos de US$ 120 milhões nas operações no Brasil, a indústria montou um estande de quase 90 m2 onde comemorou seus 185 anos de atuação no mercado nacional de mineração.

“Chegar aos 185 anos (comemorados em 8 de julho) é motivo de orgulho não apenas para a AngloGold Ashanti, mas para toda a mineração brasileira, pois denota nossa capacidade de inovação para superar os desafios, ampliar a vida útil dos recursos naturais e gerar riquezas para toda a comunidade e para os estados onde atuamos”, disse Camilo Farace, diretor-presidente da AngloGold Ashanti Brasil.

Por meio de óculos 3D, os visitantes tiveram a oportunidade de realizar uma visita virtual à mina Cuiabá e conhecer os modernos sistemas de extração de minério e de produção de ouro adotados pela empresa. Também foram destacados monitores para ajudar os visitantes a navegar por informações sobre produção, curiosidades e história da mineradora.

I-IOT-SOLUTIONS

Para mostrar como uma solução de monitoramento de barragens funciona na prática, a empresa permitiu que os visitantes testassem o “Edge Computer” (Thread) da sensemetrics, analisando os benefícios propiciados pela tecnologia. Baseada 100% em nuvem, a solução de hardware e software permite capturar os dados de sensores em tempo real, otimizando de forma significativa o monitoramento e a segurança de barragens.

O sensemetrics Thread é um datalogger plug and play totalmente autônomo e wireless, que permite a conexão com sensores de forma a capturar dados em tempo real, facilitando o monitoramento do que está ocorrendo na operação de mineração.

Projetado para operar em ambientes adversos e resistentes a intempéries, a solução se diferencia pela arquitetura 100% baseada em nuvem, eliminando a necessidade de customizações e serviços demorados e caros para instalação e operação.

“Os visitantes do evento tiveram a oportunidade de ver, na prática, como essa solução obtém dados dos sensores que estão em campo e de como essas informações são enviadas para a plataforma na nuvem e, em seguida, para os sistemas de aplicação e análise”, explicou destaca Hélio Samora, CEO da i-IoT Solutions. “Isso dispensa a necessidade de conversão de dados, evitando perda de informações e erros humanos.”


NORD

A empresa exibiu na feira seus novos redutores industriais, soluções em vedações e novos motores de alto rendimento para o mercado brasileiro.

Os redutores industriais MaxxDrive são indicados para o uso em aplicações de serviço pesado, tais como agitadores, acionamentos de esteiras transportadoras, misturadores, moinhos, tambores e trituradores.

Segundo a Nord, as soluções oferecem altos torques de saída, de 15 a 250 kNm e são extremamente robustos, graças aos seus mancais de alta qualidade e baixo atrito e sua carcaça monobloco “Block” extremamente robusta.

“Além disso, geometrias otimizadas resultam em excelente capacidade de carga, longa vida útil e baixo nível de ruído”, afirmou a marca em comunicado.

Além de redutores de engrenagens helicoidais e cônicas, recentemente a Nord incluiu os novos redutores industriais MaxxDrive XT em seu portfólio.

Os redutores de engrenagens cônicas de dois estágios foram otimizados especialmente para aplicações nas quais são necessárias baixas relações de transmissão com altas potências.

Por meio de um design intensamente nervurado e em conjunto com ventiladores axiais otimizados, são obtidos valores de limite de potência elevados. “Rolamentos reforçados e maior distância entre eixos aumentam a capacidade de carga e a vida útil dos componentes”, destacou a empresa.


NTN

O Grupo NTN apresentou dois lançamentos com tecnologia de última geração: um deles, exclusivo no mercado, é o primeiro rolamento autocompensador industrial blindado, o Kizei, que impede a entrada de poeira externa, mantendo o rolamento lubrificado por mais tempo, aumentando a vida útil da peça e, consequentemente, diminuindo os custos com prováveis manutenções.

A solução possui as mesmas dimensões ISO de um rolamento convencional aberto e é 100% intercambiável, utilizando os mesmos procedimentos de montagem/desmontagem padrão e acessórios, auxiliando e facilitando a manutenção.

A outra novidade exibida foi o “SmartTEMP”, uma nova linha de aquecedores indutivos que promete preservar a integridade dos materiais e garantir maior segurança ao se montar rolamentos, engrenagens ou peças que precisem de cuidados especiais.

“Os novos aquecedores são 30% mais rápidos que os convencionais, possuem tela touchscreen em vários idiomas, entrada USB para transferência de dados e manutenção simplificada, graças ao seu sistema de autodiagnostico, que agiliza e facilita todo o processo”, descreveu a empresa.


QUIMATIC TAPMATIC

A fabricante de especialidades químicas destacou soluções que prometem trazer economia para as mineradoras, incluindo produtos para limpeza de componentes elétricos como o Limpa Contato Elétrico Ação Imediata, que promete remoção rápida e eficaz das sujeiras em superfícies frágeis ao contato com produtos químicos, e o Limpa Contato Elétrico Não Inflamável, que mesmo antes da evaporação total não propaga chama em equipamentos ligados a uma tensão de até 2000 Volts.

“Com a escolha cerca de métodos e produtos, as mineradoras podem reduzir seus custos de manutenção em até 50% sem comprometer a qualidade dos equipamentos e a segurança dos trabalhos”, ressaltou Marcelo Françoso, gerente comercial da Quimatic Tapmatic, que também exibiu produtos para recuperação de equipamentos desgastados.

Como as resinas epóxi de alta resistência Plasteel, e para reparo em esteiras de borracha, como o Plasteel Flex 80, que repara áreas desgastadas das correias sem a necessidade de desmontagem da esteira.


SCHMERSAL

A empresa apresentou sua nova geração HDS (HeavyDutySwitches) de chaves flexíveis e modulares para a indústria pesada, que abrange as funções chaves para desalinhamento, fim de curso, nível e emergência. Segundo a fabricante, a linha HDS foi projetada com uma cobertura fechada sobre os eixos, cames e contatos de comutação, o que evita a contaminação por poeira e sujeiras quando instaladas em condições desafiadoras.

Outra novidade exibida foi a chave de emergência com acionamento por cabo ZQ 900 com botão de emergência, que agora também conta com grau de proteção IP66, ou seja, é protegida contra jatos potentes de água. Nacional, o produto é de fácil instalação e indicado para ambientes em que será exposto à poeira e jatos de água sob alta pressão.

“A chave é utilizada para acionar o comando de parada de emergência em qualquer ponto do percurso do cabo, sem a necessidade do operador acessar o comando principal”, frisou a empresa.

SSAB

Com foco na redução de custos, aumento de vida útil e produtividade, a siderúrgica expôs seus aços de alta resistência Hardox, Hardox 500Tuf e Strenx, demonstrando exemplos de aplicações de peças de desgaste para processamento de minério e equipamentos móveis de mina.

Um dos destaques foi a apresentação do Hardox 500Tuf, principal aposta da empresa para mercado de básculas mais leves e resistentes.

“Este tipo de báscula é uma antiga demanda das mineradoras por permitir um aumento direto de carga e redução no consumo, principalmente de pneus e combustíveis a cada ciclo operacional, sem perda de vida útil”, comentou Luiz Felipe Frayha, gerente regional de vendas da SSAB.

“Diante disso, buscamos desenvolver um material que combinasse propriedades superiores de resistência ao desgaste por abrasão com 500 Brinell de dureza e altíssima resistência ao impacto e à deformação, viabilizando projetos de básculas significativamente mais leves e duradouros.”

THERMO FISCHER

A empresa lançou um aplicativo gratuito de soluções de mineração que proporciona uma experiência interativa 3D e conduz o usuário ao longo de todo processo de mineração, com detalhes dos equipamentos e tecnologias mais recentes que otimizam suas operações.

Batizada de Mining Toolkit, a plataforma pode ser acessada por meio de qualquer computador (desktop).

“Em apenas um click, permite visualizar e explorar o painel interativo com informações sobre a tecnologia mais recente relacionada à exploração dos minérios, manuseio de materiais, monitoramento e amostragem, exploração e tratamento mineral e qualidade do ar de emissões”, ressaltou a empresa em comunicado.

VOITH

Apostando na otimização de processos para movimentação de matérias-primas, a marca apresentou produtos e serviços que fazem parte de seu portfólio, incluindo soluções como o BeltGenius, disponível em duas versões: o ERIC (controle digital para a correia transportadora) e o ALEX (sensor de detecção de desalinhamento das correias).

“Além disso, também foram exibidos ao público da feira itens como os acoplamentos TurboBelt, os limitadores de torque SafeSet e outros serviços voltados para o setor”, detalhou a empresa.

Mais notícias sobre esse tema