FECHAR
FECHAR
02 de junho de 2020
Voltar

FINANÇAS

Empresas brasileiras ganham destaque em pesquisa internacional

Ranking da publicação 'Institutional Investor' mostra domínio de empresas brasileiras em duas categorias ligadas aos setores de construção e mineração na América Latina
Fonte: Assessoria de Imprensa

Na semana passada, a publicação digital norte-americana Institutional Investor publicou os vencedores de uma análise feita com mais de 600 analistas de carteira, gestores financeiros e analistas de mercado, consolidada na pesquisa ‘Equipe Executiva América Latina’.

Anualmente, a publicação especializada em finanças elege as melhores equipes executivas da América Latina em 16 setores de negócios da região, a partir de métricas como credibilidade, liderança, comunicação, conhecimento de negócios e outras.

Nesta edição, o ranking mostrou domínio de empresas brasileiras em duas categorias ligadas diretamente aos setores de construção e mineração.

Na categoria ‘Bens de Capital’, o Grupo Randon (foto de fábrica acima) foi hegemônico. Além de ‘Melhor Programa de RI’, o grupo ocupa a primeira posição do ranking em ‘Melhor CEO’ (Daniel Raul Randon) e ‘Melhor CFO’ (Paulo Prignolato), assim como ‘Melhor Equipe de TI’, ‘Melhor Dia dos Analistas’ e ‘Melhores Métricas’, perdendo apenas em ‘Melhor Profissional de TI’, que ficou com a mexicana Alfa (Hernan Lozano).

Em um desempenho idêntico, a Vale dominou a categoria de ‘...


Na semana passada, a publicação digital norte-americana Institutional Investor publicou os vencedores de uma análise feita com mais de 600 analistas de carteira, gestores financeiros e analistas de mercado, consolidada na pesquisa ‘Equipe Executiva América Latina’.

Anualmente, a publicação especializada em finanças elege as melhores equipes executivas da América Latina em 16 setores de negócios da região, a partir de métricas como credibilidade, liderança, comunicação, conhecimento de negócios e outras.

Nesta edição, o ranking mostrou domínio de empresas brasileiras em duas categorias ligadas diretamente aos setores de construção e mineração.

Na categoria ‘Bens de Capital’, o Grupo Randon (foto de fábrica acima) foi hegemônico. Além de ‘Melhor Programa de RI’, o grupo ocupa a primeira posição do ranking em ‘Melhor CEO’ (Daniel Raul Randon) e ‘Melhor CFO’ (Paulo Prignolato), assim como ‘Melhor Equipe de TI’, ‘Melhor Dia dos Analistas’ e ‘Melhores Métricas’, perdendo apenas em ‘Melhor Profissional de TI’, que ficou com a mexicana Alfa (Hernan Lozano).

Em um desempenho idêntico, a Vale dominou a categoria de ‘Metais e Mineração’, com a classificação em primeiro lugar em CEO (Eduardo de Salles Bartolomeo), CFO (Luciano Siani Pires) e nas demais áreas avaliadas, exceto novamente em ‘Melhor Profissional de TI’, que ficou com a também brasileira Gerdau (Rodrigo dos Reis Maia).

“Nossos resultados buscam definir os CEOs, CFOs e equipes de RI da região mais bem-sucedidos em atender às demandas da comunidade de investidores”, comenta Ursula Kizy, diretora de relações com investidores da Institutional Investor nas Américas.

“À medida que as companhias gerenciam as amplas e variadas implicações da covid-19 em seus negócios, uma comunicação oportuna, bem-elaborada e concisa da intenção e direção da empresa, bem como um forte acesso corporativo, são mais necessários do que nunca para tranquilizar os acionistas”, ela completa.

Mais notícias sobre esse tema