FECHAR
FECHAR
11 de junho de 2019
Voltar

PARCERIA

Deutz e Sany assinam acordo de joint venture

A empresa assumirá a produção da atual linha de motores da Sany com o objetivo de fornecer à fabricante cerca de 75.000 novos motores em 2022
Fonte: Assessoria de imprensa

A Deutz, um dos principais fabricantes mundiais de sistemas de acionamento entrou em um acordo de joint venture com a Sany, fabricante chinesa de equipamentos de construção. A Deutz deterá uma participação majoritária de 51% na nova joint venture

O fechamento da transação é esperado até o final do ano. A empresa assumirá a produção da atual linha de motores da Sany com o objetivo de fornecer à fabricante cerca de 75.000 novos motores em 2022.

Esses motores cumprirão o padrão de emissões China IV para aplicações off-road e o China 6 para aplicações em estrada.

Além da conclusão do acordo de joint venture com a Sany, outros elementos da estratégia de crescimento internacional também serão planejados na China.

Segundo a fabricante, as estratégias incluem a aliança com a Beinei, especializada na fabricação de motores a diesel, para realizar a produção localmente, com a equipe de gestão da Deutz supervisionando a fabricação de aproximadamente 20.000 motores para o mercado asiático em 2022 em uma nova fábrica em Tianjin.

"A joint venture é um marco importante na implementação de nossa nova estratégia na China", comenta Frank Hiller, CEO da Deutz.

“As alianças com nossos parceiros locais nos permitirão aumentar significativamente nossa presença local para motores e agora temos acesso a uma rede de produção atraente que nos permitirá atender com eficiência a demanda dos clientes na região. Também podemos aproveitar uma extensa rede de serviços que iremos aprimorar sistematicamente com soluções digitais. Em uma fase inicial, pretendemos alcançar uma receita de cerca de meio bilhão de euros até 2022”, afirma Hiller.