FECHAR
FECHAR
10 de março de 2020
Voltar

EMPRESAS

Banco Komatsu atinge marco de mil máquinas novas financiadas

Montante equivale a R$ 500 milhões em vendas de equipamentos. Agilidade e aprovação das propostas em tempo recorde de, no máximo, três horas são diferenciais oferecidos aos clientes
Fonte: Assessoria de Imprensa

O Banco Komatsu do Brasil S/A, que iniciou sua operação em abril de 2016, atingiu, no último mês, a marca de mil máquinas novas financiadas, o equivalente a R$ 500 milhões em vendas de equipamentos Komatsu.

"Nesses quase quatro anos de operações, agregamos valor aos 900 clientes do Banco Komatsu no Brasil, com prioridade para viabilizar a aquisição dos equipamentos da marca. Para tanto, oferecemos produtos financeiros, seguros e serviços que atendem todas as necessidades dos clientes, passando pelo CDC (Crédito Direto ao Consumidor), leasing e Finame", explica Carlos Eduardo Modeli Ribeiro (foto), presidente do Banco Komatsu.

Atualmente, 70% das operações do Banco Komatsu são via CDC, por, segundo Ribeiro, ser mais competitivo e permitir transações mais ágeis. "Conseguimos aprovar um crédito em, no máximo, três horas. E, se a máquina já estiver disponível, é possível fazer toda a operação de formalização e desembolso no mesmo dia", informa.

Os principais produtos oferecidos pelo banco são financiamentos de compras de peças, serviços e acessórios, além de máquinas novas e usadas.

Atuação
Presente no mercado brasileiro desde 1975, a ...


O Banco Komatsu do Brasil S/A, que iniciou sua operação em abril de 2016, atingiu, no último mês, a marca de mil máquinas novas financiadas, o equivalente a R$ 500 milhões em vendas de equipamentos Komatsu.

"Nesses quase quatro anos de operações, agregamos valor aos 900 clientes do Banco Komatsu no Brasil, com prioridade para viabilizar a aquisição dos equipamentos da marca. Para tanto, oferecemos produtos financeiros, seguros e serviços que atendem todas as necessidades dos clientes, passando pelo CDC (Crédito Direto ao Consumidor), leasing e Finame", explica Carlos Eduardo Modeli Ribeiro (foto), presidente do Banco Komatsu.

Atualmente, 70% das operações do Banco Komatsu são via CDC, por, segundo Ribeiro, ser mais competitivo e permitir transações mais ágeis. "Conseguimos aprovar um crédito em, no máximo, três horas. E, se a máquina já estiver disponível, é possível fazer toda a operação de formalização e desembolso no mesmo dia", informa.

Os principais produtos oferecidos pelo banco são financiamentos de compras de peças, serviços e acessórios, além de máquinas novas e usadas.

Atuação
Presente no mercado brasileiro desde 1975, a marca Komatsu reforçou sua posição com a criação do banco, o primeiro da empresa no mundo, oferecendo uma gama de produtos financeiros, através de suas subsidiárias financeiras em países como Estados Unidos, Japão, China, Austrália, Indonésia e Chile, entre outros.

Segundo Ribeiro, ao todo, são 12 operadoras financeiras, em 12 países. Além do Japão, o Brasil é o único que está na categoria banco, seguindo as regulamentações do Banco Central do Brasil.

Com forte atuação nos segmentos de construção, mineração e florestal, esses são também o público-alvo do Banco Komatsu.

“O banco opera junto à marca, definindo mercados estratégicos e clientes potenciais para alavancar suas vendas, com o mesmo foco da fábrica de equipamentos e sem limites para criar e desenvolver produtos e serviços que satisfaçam as necessidades dos seus clientes’, finaliza.