FECHAR
FECHAR
03 de abril de 2017
Voltar
A ERA DAS MÁQUINAS

O nascimento de um gigante

Por Norwil Veloso

Os primeiros guindastes de torre surgiram na Europa na primeira metade do século XX. Com o uso dessas máquinas, as obras em ruas estreitas tornavam-se mais produtivas e simples, podendo-se trabalhar em grande altura sem ocupar muito espaço no solo. Isso fez com que os principais fabricantes de guindastes de torre surgissem na Europa, principalmente para aplicação em estaleiros e portos. No entanto, esses guindastes ainda eram pesados e difíceis de transportar e montar.

Após o término da II Guerra Mundial, quando os trabalhos de reconstrução se espalhavam por toda a Alemanha, um pioneiro chamado Hans Liebherr dirigia a construtora de sua família no sul do país. Ao perceber a necessidade de desenvolver máquinas para o setor de construção, Liebherr – juntamente com sua equipe de engenheiros – projetou o primeiro guindaste móvel de torre da história, o TK-10.

Tratava-se de um guindaste com giro na base e uma lança horizontal na parte superior, fácil de ser transportado e colocado em posição de trabalho, graças a um sistema de automontagem. Essa máquina foi apresentada na Frankfurt Trade Fair de 1949, tornando-se o primeiro produto da Hans Liebherr Maschinenfabrik, fundada nesse mesmo ano e que se transformaria em um dos maiores fabricantes de equipamentos de construção do mundo.

Apesar da reação negativa inicial, o conceito provou suas vantagens e pôde ser colocado em produção. Afinal, a máquina conseguia recolher o material do solo, içá-lo e descarregá-lo diretamente no local necessário, um recurso ainda não disponível na época, pois o material tinha de ser transportado manualmente a partir do ponto de descarga.

Os primeiros guindastes de torre surgiram na Europa na primeira metade do século XX. Com o uso dessas máquinas, as obras em ruas estreitas tornavam-se mais produtivas e simples, podendo-se trabalhar em grande altura sem ocupar muito espaço no solo. Isso fez com que os principais fabricantes de guindastes de torre surgissem na Europa, principalmente para aplicação em estaleiros e portos. No entanto, esses guindastes ainda eram pesados e difíceis de transportar e montar.

Após o término da II Guerra Mundial, quando os trabalhos de reconstrução se espalhavam por toda a Alemanha, um pioneiro chamado Hans Liebherr dirigia a construtora de sua família no sul do país. Ao perceber a necessidade de desenvolver máquinas para o setor de construção, Liebherr – juntamente com sua equipe de engenheiros – projetou o primeiro guindaste móvel de torre da história, o TK-10.