FECHAR
FECHAR
30 de agosto de 2012
Voltar
Momento Construction

Construction Expo chega para unir toda a cadeia da construção

No lançamento da feira, Sobratema registra a reserva de 41% dos 40 mil m² de área de exposição

Com o apoio de 44 entidades que representam toda a cadeia da construção e infraestrutura, a Sobratema lançou, em agosto, a Construction Expo 2013 – 2ª Feira Internacional de Edificações e Obras de Infraestrutura, programada para ser realizada entre os dias de 5 a 8 de junho do próximo ano, no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo. Durante o lançamento da feira, que reuniu lideranças do setor, empresários e profissionais de construtoras, a organização contabilizou a reserva de nada menos que 41% dos 40 mil m² de área de exposição, o que demonstra o interesse despertado pela Construction Expo no mercado.

Esse sucesso se deve à proposta adotada para o evento, que tem a intenção de integrar toda a cadeia produtiva do setor, desde os equipamentos, materiais e outros insumos utilizados no canteiro, até os serviços de engenharia, projeto, planejamento e demais atividades envolvidas em uma obra de construção. “A existência de eventos isolados acaba fragmentando o setor e, com isso, as empresas perdem o foco”, afirma Afonso Mamede, presidente da Sobratema. “Por isso, tonou-se fundamental a realização de um evento que dê uma visão global e seja capaz de organizar todo o setor em uma agenda positiva.”

Representando o governo do estado, o coordenador do Programa de Recuperação Socioambiental da Serra do Mar, Fernando Chucre, antecipou que a participação da Secretaria da Habitação no evento se dará por meio de um salão temático sobre sustentabilidade, cujo principal destaque será o Programa Serra do Mar, que transfere moradores de área de risco ou de preservação ambiental para conjuntos residenciais em várias cidades do litoral paulista.

Unindo os elos

O presidente do Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia Consultiva (Sinaenco), José Roberto Bernasconi, recebeu o lançamento da feira com entusiasmo. “A força de uma corrente sempre é determinada pelo seu elo mais fraco e o fato de a Construction reunir toda a cadeia da construção permitirá uma discussão ampla do nosso setor, analisando os problemas, oportunidades, planejamento e eventuais ameaças a que ele está exposto.”

Para Hugo Marques da Rosa, presidente da Método Engenharia, o evento também pode contribuir com a disseminação de novas tecnologias, principalmente num momento em que o setor se orienta para a busca de soluções voltadas à maior produtividade e eficiência


Com o apoio de 44 entidades que representam toda a cadeia da construção e infraestrutura, a Sobratema lançou, em agosto, a Construction Expo 2013 – 2ª Feira Internacional de Edificações e Obras de Infraestrutura, programada para ser realizada entre os dias de 5 a 8 de junho do próximo ano, no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo. Durante o lançamento da feira, que reuniu lideranças do setor, empresários e profissionais de construtoras, a organização contabilizou a reserva de nada menos que 41% dos 40 mil m² de área de exposição, o que demonstra o interesse despertado pela Construction Expo no mercado.

Esse sucesso se deve à proposta adotada para o evento, que tem a intenção de integrar toda a cadeia produtiva do setor, desde os equipamentos, materiais e outros insumos utilizados no canteiro, até os serviços de engenharia, projeto, planejamento e demais atividades envolvidas em uma obra de construção. “A existência de eventos isolados acaba fragmentando o setor e, com isso, as empresas perdem o foco”, afirma Afonso Mamede, presidente da Sobratema. “Por isso, tonou-se fundamental a realização de um evento que dê uma visão global e seja capaz de organizar todo o setor em uma agenda positiva.”

Representando o governo do estado, o coordenador do Programa de Recuperação Socioambiental da Serra do Mar, Fernando Chucre, antecipou que a participação da Secretaria da Habitação no evento se dará por meio de um salão temático sobre sustentabilidade, cujo principal destaque será o Programa Serra do Mar, que transfere moradores de área de risco ou de preservação ambiental para conjuntos residenciais em várias cidades do litoral paulista.

Unindo os elos

O presidente do Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia Consultiva (Sinaenco), José Roberto Bernasconi, recebeu o lançamento da feira com entusiasmo. “A força de uma corrente sempre é determinada pelo seu elo mais fraco e o fato de a Construction reunir toda a cadeia da construção permitirá uma discussão ampla do nosso setor, analisando os problemas, oportunidades, planejamento e eventuais ameaças a que ele está exposto.”

Para Hugo Marques da Rosa, presidente da Método Engenharia, o evento também pode contribuir com a disseminação de novas tecnologias, principalmente num momento em que o setor se orienta para a busca de soluções voltadas à maior produtividade e eficiência no canteiro de obras. “Quando a feira é muito orientada por patrocinadores fortes ou por determinada empresa que quer mostrar seus produtos, há o risco de direcionamento. Mas o fato de o evento ser organizado por uma entidade sem fins lucrativos e que, de alguma forma, representa todo o setor, dá a oportunidade de haver uma gama maior de produtos em exposição”, ele pondera.

Essa contribuição não se deve apenas ao fato de a Construction Expo manter a característica das feiras organizadas pela Sobratema, sempre orientadas para o fomento de negócios. Além desse perfil, o evento também deverá se posicionar como um fórum de debates sobre o setor, por meio de um congresso organizado paralelamente à amostra. A grade desse congresso já está sendo montada pela Sobratema, em parceria com as entidades do setor parceiras nessa empreitada.

Entidades que integram o conselho da feira

ABCEM (Associação Brasileira da Construção Metálica)

ABCIC (Associação Brasileira da Construção Industrializada de Concreto)

Abifer (Associação Brasileira da Indústria Ferroviária)

Abramat (Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção)

Abravidro (Associação Brasileira de Distribuidores e Processadores de Vidros Planos)

Abrasfe (Associação Brasileira das Empresas de Formas e Escoramentos)

Anepac (Associação Nacional das Entidades de Produtores de Agregados para Construção Civil)

Anfacer (Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica para Revestimento)

Asfamas (Associação Brasileira dos Fabricantes de Materiais para Saneamento)

CBCS (Conselho Brasileiro de Construção Sustentável)

CTE (Centro de Tecnologia de Edificações)

Drywall (Associação Brasileira do Drywall)

Fundação Carlos Alberto Vanzolini

IABr (Instituto Aço Brasil)

Ibracon (Instituto Brasileiro do Concreto)

Instituto de Engenharia - SP

Sinaenco (Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia Consultiva)

Sindareia (Sindicato das Indústrias de Extração de Areia do Estado de São Paulo)

Sinduscon-SP (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo)

Sinicesp (Sindicato da Indústria da Construção Pesada do Estado de São Paulo)

OBS: Entidades confirmadas até o fechamento desta edição