FECHAR
FECHAR
07 de março de 2019
Voltar
Lançamento

Atlas Copco atualiza linha de compressores

Segundo a fabricante, os compressores DrillAir W1100 e X1200 contam com tecnologia avançada para atender a uma ampla gama de segmentos, com menos ruído e consumo nos canteiros

A divisão Atlas Power Technique traz ao mercado brasileiro sua nova linha DrillAir de compressores portáteis de alta pressão, desenvolvidos para atender a uma diversidade de aplicações. Composta pelos modelos W1100 e X1200, a nova linha traz características que auxiliam os usuários a atingir a máxima vazão em qualquer configuração e pressão, garante a empresa.

Com destaca Antonio Tozzato Junior, analista de produto portátil da Atlas Copco, a linha foi projetada para atender a demandas de vários segmentos, como geotecnia, mineração, construção, locação, perfuração e óleo & gás. “Atuando com pressão de regulagem entre 16 e 30 bar e vazão entre 1200 e 964 pcm, o modelo DrillAir X1200 oferece maior versatilidade e velocidade de perfuração, possibilitando que os usuários façam dois furos de 200 m em um único dia a 30 bar de pressão, graças ao ganho de velocidade de 30%, em média”, afirma. “Com a pressão de trabalho de 30 bar, é possível atingir profundidades de perfuração de 500 m por dia.”

Em relação ao desempenho do modelo W1100 – que utiliza motor 9 l de 400 cv para oferecer pressão de 28 bar e vazão entre 1100 e 964 pcm –, o especialista explica que é possível obter uma economia de 28% no consumo de combustível, se comparado ao antigo modelo XRW1000 (de 1.000 pcm e 28 bar). “Uma das razões para tal desempenho é o uso da tecnologia integrada Dynamic Flow Boost (ou Aumento Dinâmico da Vazão)”, diz ele, referindo-se à tecnologia que permite perfurações de grandes diâmetros, ajudando a reduzir o tempo de recarga e o tempo total de perfuração. “Além disso, a perfuração multicolar permite utilizar a mesma configuração em diferentes combinações de diâmetros, proporcionando uma remoção mais rápida de cortes.”

Segundo Tozzato Junior, quando necessário a faixa de pressão de trabalho pode ser ajustada em até 16 bar no modelo X1200, que conta com a tecnologia de Faixa de Pressão Estendida (XPR), patenteada da empresa. “Isso ajuda a evitar a cavitação do solo durante a perfuração, além de permitir que o mesmo compressor seja utilizado tanto em perfuração geotérmica, como em óleo & gás e fundações”, diz.

A versatilidade da linha, comenta o especialista, é ampliada pelo fato de os equipamentos apresentarem baixo ruído, permitindo que os novos compressores também possam ser utilizados em projetos de construção em áreas


A divisão Atlas Power Technique traz ao mercado brasileiro sua nova linha DrillAir de compressores portáteis de alta pressão, desenvolvidos para atender a uma diversidade de aplicações. Composta pelos modelos W1100 e X1200, a nova linha traz características que auxiliam os usuários a atingir a máxima vazão em qualquer configuração e pressão, garante a empresa.

Com destaca Antonio Tozzato Junior, analista de produto portátil da Atlas Copco, a linha foi projetada para atender a demandas de vários segmentos, como geotecnia, mineração, construção, locação, perfuração e óleo & gás. “Atuando com pressão de regulagem entre 16 e 30 bar e vazão entre 1200 e 964 pcm, o modelo DrillAir X1200 oferece maior versatilidade e velocidade de perfuração, possibilitando que os usuários façam dois furos de 200 m em um único dia a 30 bar de pressão, graças ao ganho de velocidade de 30%, em média”, afirma. “Com a pressão de trabalho de 30 bar, é possível atingir profundidades de perfuração de 500 m por dia.”

Em relação ao desempenho do modelo W1100 – que utiliza motor 9 l de 400 cv para oferecer pressão de 28 bar e vazão entre 1100 e 964 pcm –, o especialista explica que é possível obter uma economia de 28% no consumo de combustível, se comparado ao antigo modelo XRW1000 (de 1.000 pcm e 28 bar). “Uma das razões para tal desempenho é o uso da tecnologia integrada Dynamic Flow Boost (ou Aumento Dinâmico da Vazão)”, diz ele, referindo-se à tecnologia que permite perfurações de grandes diâmetros, ajudando a reduzir o tempo de recarga e o tempo total de perfuração. “Além disso, a perfuração multicolar permite utilizar a mesma configuração em diferentes combinações de diâmetros, proporcionando uma remoção mais rápida de cortes.”

Segundo Tozzato Junior, quando necessário a faixa de pressão de trabalho pode ser ajustada em até 16 bar no modelo X1200, que conta com a tecnologia de Faixa de Pressão Estendida (XPR), patenteada da empresa. “Isso ajuda a evitar a cavitação do solo durante a perfuração, além de permitir que o mesmo compressor seja utilizado tanto em perfuração geotérmica, como em óleo & gás e fundações”, diz.

A versatilidade da linha, comenta o especialista, é ampliada pelo fato de os equipamentos apresentarem baixo ruído, permitindo que os novos compressores também possam ser utilizados em projetos de construção em áreas urbanizadas e residenciais. Produzidos em Barueri (SP), os equipamentos estão disponíveis via linha de financiamento Finame e também são exportados para diversos países, a partir da fábrica brasileira.

Fabricados no Brasil, compressores receberam novas tecnologias para aumentar sua versatilidade operacional

TECNOLOGIAS

De acordo com o gerente de negócios da Atlas Copco, Rafael Basso da Silva, as novas tecnologias utilizadas neste lançamento seguem o elevado padrão da família de compressores DrillAir, mas agora com tanque de combustível ampliado – produzido em polietileno e apresentado como o maior da categoria de compactos – e design totalmente reformulado. “Os novos compressores também possuem chassi vedado e certificado contra vazamento para contenção de 100% dos fluidos, além de novo reservatório de ar/óleo e guias para empilhadeira integradas”, descreve.

Equipados com motorização Scania de 9 l (W1100) e 13 l (W1200), os equipamentos também trazem o sistema de regulação eletrônica DrillAirXpert, que permite ao usuário configurar o equipamento de acordo com a necessidade da aplicação, alterando a pressão com precisão de 0,1 bar e ainda a vazão, com regulagens em casas decimais. Desenvolvido pela própria Atlas Copco, o painel de controle Xc4003 é a interface que garante os benefícios do sistema.

Por meio do controlador Xc4003, o sistema de regulação eletrônica DrillAirXpert permite configurar o equipamento de acordo com a necessidade da aplicação

“Resistente a congelamento, esse sistema eletrônico para gerenciamento de desempenho oferece respostas em milésimos de segundos, garantindo a operação em ambientes mais hostis”, ressalta Silva.

Toda essa atualização tecnológica tem um propósito claro. Segundo Tozzato, atualmente é “impossível” que qualquer tipo de equipamento evolua sem embarcar tecnologia. A presença dessas tecnologias, diz ele, permite utilizar os equipamentos de forma mais flexível, superando a era em que era preciso lançar mão de diversos modelos de compressores para atender a determinado segmento. “Hoje, com a flexibilidade de pressão, um único modelo atende a vários segmentos”, acentua. “Ou seja, a tecnologia nos proporciona essa dinâmica, otimizando significativamente os trabalhos no campo de operação.”

Saiba mais:

Atlas Copco: www.atlascopco.com/pt-br